Get Adobe Flash player

Curiosidades

Os poderes do "abacaxizinho"

Os poderes do "abacaxizinho": Juliana Ferrari Ferreira: "Ficou claro que estamos jogando fora algo de valor"
Créditos: Ascom/UnicampUm pedacinho de abacaxi na panela, e a carne fica macia. Quem faz isso é a enzima bromelina, presente na fruta, que é levada às mesas e que muitos sequer suspeitam de sua ação. Da mesma família do abacaxi, o curauá é uma planta originária da Amazônia que acaba de ser motivo de uma ampla investigação da pesquisadora Juliana Ferrari Ferreira, que defendeu recentemente a sua tese de doutorado na Faculdade de Engenharia Química (FEQ) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

Em poder de algumas amostras da planta, a autora comprovou que nela também existem teores significativos da bromelina e demonstrou, por meio de técnica específica (sistema bifásico aquoso), que os seus níveis de purificação permitem provavelmente serem agregados a cremes, a loções e a géis anti-inflamatórios.

O resíduo de curauá, conta a pesquisadora, que é engenheira química, em geral é descartado por se entender que era apenas refugo. Juliana mostrou em seu estudo que a planta possui atividade enzimática, podendo ser purificada para ser comercializada pela indústria farmacêutica. "Ficou claro que estamos jogando fora algo de valor, sendo que atualmente apenas o abacaxi é visto como fonte desta enzima", comenta.

A fibra dessa planta, relata ela, é largamente usada na indústria automobilística, após ter sido exibido o seu potencial como componente de peças de carro, e na indústria têxtil, devido à sua resistência, maciez e peso reduzido.

Uma empresa de São Bernardo do Campo (SP) processa essa fibra por conta do seu excelente comportamento mecânico. O processo envolve uma moagem, como a da cana-de-açúcar. "Da fibra do curauá, sai uma mucilagem de alto valor proteico oferecida aos animais. O resíduo líquido contém a bromelina", conforme relata Juliana.

Já se sabe na literatura que toda planta da família das bromeliáceas (no caso o abacaxi é o mais conhecido) tem a enzima estudada. Assim, a engenheira química resolveu explorá-la para ver se continha quantidades suficientes para buscar novas aplicações. O trabalho foi orientado pelo docente da FEQ Elias Basile Tambourgi, responsável pela linha de pesquisa de purificação de biomoléculas desta faculdade.

Juliana extraiu e purificou a enzima em sistema bifásico aquoso. Conseguiu, no estudo, fatores de purificação elevados. Ainda que esse estudo seja preliminar, ele sinalizou um potencial para diferentes aplicações. O trabalho foi feito com o curauá branco e com o roxo - as duas variedades da planta - no Laboratório de Processo de Separação II.

Outra característica observada pela autora do trabalho foi que esse resíduo tem um alto teor de açúcar, que poderá estar presente na produção do álcool, por exemplo, do mesmo jeito que se utiliza cana-de-açúcar. "Só que isso depende de estudos mais aprofundados, fugindo ao objetivo do nosso estudo", expõe ela.

A despeito de se notar uma gama de proteínas nesse resíduo, o intuito de Juliana foi obtê-lo (por ter uma atividade anti-inflamatória interessante), verificar o quanto de enzima possuía e se tinha atividade enzimática. A pesquisadora chegou à pré-purificação da planta, estágio que não contemplaria os anti-inflamatórios orais (os comprimidos), os quais exigem um maior grau de pureza. "Provavelmente teria que passar ainda por uma cromatografia. Fomos apenas até a etapa da eletroforese, pelo fato de não requerer um nível de pureza tão elevado para aplicações industriais. Conseguimos quantificar o quanto a proteína estava pura."

ACHADOS


Os poderes do "abacaxizinho": Curauá: teores significativos da bromelina podem permitir sua utilização em anti-inflamatórios
Créditos: Ascom/UnicampComo a fibra de vidro não é renovável, afirma a doutoranda, ela está sendo substituída hoje pela fibra de curauá, presente nos painéis dos carros para resistir mecanicamente a impactos e a colisões. A vantagem desta fibra é que ela é ecologicamente correta e sua produção ocorre o ano todo.

Foi deste modo que a fibra começou a ser utilizada anteriormente, para confeccionar redes e tapetes. Mais tarde, alguém viu na fibra excelentes características mecânicas para ser incorporada aos carros e como plantas ornamentais. "Há inclusive um grupo da Faculdade de Engenharia Mecânica (FEM) da Unicamp que usa essa fibra em suas pesquisas, a fim de realizar testes mecânicos", relembra Juliana.

Ela, porém, realça que ainda não estão disponíveis pesquisas mundiais com essa planta, uma vez que ela é de origem brasileira. Anteriormente, no mestrado, Juliana havia trabalhado com a bromelina extraída e purificada do abacaxi. A enzima comercial, salienta, é retirada do talo e da casca do abacaxi e é vendida por empresas dos EUA, onde esta tecnologia já se tornou conhecida.

O que mudou do estudo de mestrado para o de doutorado da engenheira química, além da fonte de matéria-prima, esclarece, foi o fato de usar um resíduo, um subproduto. De acordo com ela, é certo que o abacaxi tem muita bromelina em sua composição. Só que economicamente não seria viável extraí-la da fruta.

Outra dificuldade é saber o momento de fazer a extração da bromelina do abacaxi. Isso porque, quando a fruta está nova demais, ela não tem bromelina, ou a sua quantidade é mínima. Já, quando está muito madura, a sua quantidade pode cair muito. Deste modo, é preciso obtê-la na época exata da maturação, "sendo portanto vantajoso retirar bromelina da casca e do talo", explica. Apesar do curauá ter menores quantidades de bromelina, como ele é descartado, acaba tendo um custo-benefício maior. A planta se assemelha a um abacaxi, por isso popularmente é tratada como "abacaxizinho".

A sua ideia, comenta Juliana, foi dar visibilidade ao curauá. "O setor industrial precisa saber que está jogando fora um resíduo rico em propriedades e em aplicações", adverte. Uma outra pós-graduanda da mesma linha de pesquisa fez um estudo de custo do produto, que se mostrou viável. Com alguns quilos de resíduos produz-se a enzima, a qual é liofilizada (embora sendo uma substância líquida) e vendida por um preço elevado, menciona.

RUMOS DA PESQUISA

A pesquisadora pretende continuar esse estudo no pós-doutorado para ver o seu trabalho mais robusto, assistindo à produção dessa enzima industrialmente. Ocorre que faltam mais testes dessa enzima em medicamentos e talvez passar por um processo de purificação com nível de pureza um pouco mais elevado. É preciso passar por uma cromatografia de gel filtração, troca iônica para usar em medicamentos por via oral.

Fato é que, mesmo com os bons resultados apresentados na pesquisa, a única empresa que comercializa o curauá pretende prosseguir com o mesmo foco de uso da fibra, que é o que eles fazem no momento. Entretanto, para Juliana, esse "filão" poderá ser descortinado por mais empreendedores como um novo nicho de mercado nos próximos anos. "O Brasil infelizmente importa essa enzima, ainda que detendo a matéria-prima. O país está perdendo muito deixando de produzi-la aqui", acredita.

No início da investigação, Juliana e o seu orientador estiveram em Botucatu para fazer algumas ponderações com o professor Isaac Stringueta Machado, docente da Faculdade de Ciências Agronômicas da Universidade Estadual Paulista (Unesp), que muito colaborou para esse estudo. O foco de sua pesquisa é a micropropagação da planta in vitro. Sua intenção é fazer o curauá se desenvolver fora do seu ambiente natural.

ORIGEM DO CURAUÁ

O curauá (Ananas erectifolius L. SMITH) é uma bromélia característica da Amazônia paraense, que cresce em clima úmido e muito quente, chegando à altura de 1,5 metro. Ali está mais concentrada na região de Santarém, onde existe em grande abundância e, mesmo assim, já não está conseguindo mais suprir a demanda crescente por tanta fibra. Essa planta é rara no Sul e no Sudeste.

A fibra extraída de suas folhas é muito resistente, macia, leve e reciclável, permitindo composições para diversos usos na indústria. Ela, que foi apresentada à indústria na década de 1990, é atualmente cotada como substituta da fibra de vidro em peças automobilísticas e como composto de vigas resistentes a terremotos.

A planta pré-colombiana, da família das bromeliáceas, é também utilizada na fabricação de cordas, sacos, utensílios domésticos e artesanato. É quatro vezes mais resistente que a fibra do sisal e dez vezes mais resistente que a fibra de vidro.

O seu cultivo não provoca a degradação da mata nativa, contribui para revitalizar terras desmatadas, não é exigente a fertilizantes químicos e pode ser consorciada com culturas alimentares, representando uma fonte de renda e garantindo segurança alimentar ao agricultor da região amazônica.

FONTE

Jornal da Unicamp
Assessoria de Comunicação e Imprensa da Unicamp
Isabel Gardenal - Jornalista
(Fonte: Ver anexo)

Sintomas que Revelam o que está Faltando em nosso Organismo!

Veja que interessante... A partir de certa idade, temos quase todos esses sintomas, provocados pela falta dos alimentos aqui mencionados:

1. DIFICULDADE DE PERDER PESO
O QUE ESTÁ FALTANDO: ácidos graxos essenciais e vitamina.
ONDE OBTER: semente de linhaça, cenoura e salmão - além de suplementos específicos.

2. RETENÇÃO DE LÍQUIDOS
O QUE ESTÁ FALTANDO: na verdade um desequilíbrio entre o potássio, fósforo e sódio.
ONDE OBTER: água de coco, azeitona, pêssego, ameixa, figo, amêndoa, nozes, acelga, coentro, semente de linhaça e os suplementos.

3. COMPULSÃO A DOCES
O QUE ESTÁ FALTANDO: cromo.
ONDE OBTER: cereais integrais, nozes, centeio, banana, espinafre, cenoura + suplementos...

4. CÂIMBRA, DOR DE CABEÇA
O QUE ESTÁ FALTANDO: potássio e magnésio
ONDE OBTER: banana, cevada, milho, manga, pêssego, acerola, laranja e água.

5. DESCONFORTO INTESTINAL, GASES, INCHAÇO ABDOMINAL
O QUE ESTÁ FALTANDO: lactobacilos vivos
ONDE OBTER: coalhada, iogurte, missô, Yakult e similares..

6. MEMÓRIA RUIM
O QUE ESTÁ FALTANDO: acetil colina, inositol.
ONDE OBTER: lecitina de soja, gema de ovo + suplementos.

7. HIPOTIREOIDISMO (PROVOCA GANHO DE PESO SEM CAUSA APARENTE)
O QUE ESTÁ FALTANDO: iodo.
ONDE OBTER: algas marinhas, cenoura, óleo, pêra, abacaxi, peixes de água salgada e sal marinho.

8.. CABELOS QUEBRADIÇOS E UNHAS FRACAS
O QUE ESTÁ FALTANDO: colágeno.
ONDE OBTER: peixes, ovos, carnes magras, gelatina + suplementos.

9. FRAQUEZA, INDISPOSIÇÃO, MAL ESTAR
O QUE ESTÁ FALTANDO: vitaminas A, C, E e ferro.
ONDE OBTER: verduras, frutas, carnes magras e suplementos.

10. COLESTEROL E TRIGLICERÍDEOS ALTOS
O QUE ESTÁ FALTANDO: Ômega 3 e 6.
ONDE OBTER: sardinha, salmão, abacate, azeite

(Fonte: Desconhecido)

O Símbolo @ (arroba)

Durante a Idade Média os livros eram escritos à mão pelos copistas.
Precursores dos taquígrafos, os copistas simplificavam seu trabalho substituindo letras, palavras e nomes próprios por símbolos, sinais e
abreviaturas. Não era por economia de esforço nem para o trabalho ser mais rápido (tempo era o que não faltava, naquela época!). O motivo era de ordem econômica: tinta e papel eram valiosíssimos.

Assim, surgiu o til (~), para substituir o m ou n que nasalizava a vogal anterior. Se reparar bem, você verá que o til é um enezinho sobre a letra.

O nome espanhol Francisco, também grafado Phrancisco, foi abreviado para Phco e Pco - o que explica, em Espanhol, o apelido Paco, comum a quase todo Francisco.

Ao citarem os santos, os copistas os identificavam por algum detalhe significativo de suas vidas. O nome de São José, por exemplo, aparecia seguido de Jesus Christi Pater Putativus, ou seja, o pai putativo (suposto)
de Jesus Cristo. Mais tarde, os copistas passaram a adotar a abreviatura JHS
PP, e depois, simplesmente, PP. A pronúncia dessas letras em sequência explica por que José, em Espanhol, tem o apelido de Pepe.

Já para substituir a palavra latina et (e), eles criaram um símbolo que resulta do entrelaçamento dessas duas letras: o &, popularmente conhecido como e comercial em Português, e ampersand, em Inglês, junção de and (e, em Inglês), per se (por si, em Latim) e and.

E foi com esse mesmo recurso de entrelaçamento de letras que os copistas
criaram o símbolo @, para substituir a preposição latina ad, que tinha, entre outros, o sentido de casa de.

Foram-se os copistas, veio a imprensa - mas os símbolos @ e & continuaram firmes nos livros de contabilidade. O @ aparecia entre o número de unidades da mercadoria e o preço. Por exemplo: o registro contábil 10@£3 significava 10 unidades ao preço de 3 libras cada uma. Nessa época, o símbolo @ significava, em Inglês, at (a ou em).

No século XIX, na Catalunha (nordeste da Espanha), o comércio e a indústria
procuravam imitar as práticas comerciais e contábeis dos ingleses. E, como os espanhóis desconheciam o sentido que os ingleses davam ao símbolo @ (a ou em), acharam que o símbolo devia ser uma unidade de peso. Para isso
contribuíram duas coincidências:

1 - A unidade de peso comum para os espanhóis na época era a arroba, cuja inicial lembra a forma do símbolo;

2 - Os carregamentos desembarcados vinham frequentemente em fardos de uma arroba. Por isso, os espanhóis interpretavam aquele mesmo registro de 10@£3 assim: dez arrobas custando 3 libras cada uma. Então, o símbolo @ passou a
ser usado por eles para designar a arroba.

O termo arroba vem da palavra árabe ar-ruba, que significa a quarta parte: uma arroba ( 15 kg , em números redondos) correspondia a ¼ de outra medida de origem árabe, o quintar, que originou o vocábulo português quintal, medida de peso que equivale a 58,75 kg .

As máquinas de escrever, que começaram a ser comercializadas na sua forma definitiva há dois séculos, mais precisamente em 1874, nos Estados Unidos (Mark Twain foi o primeiro autor a apresentar seus originais datilografados), trouxeram em seu teclado o símbolo @, mantido no de seu sucessor - o computador.

Então, em 1972, ao criar o programa de correio eletrônico (o e-mail), Roy Tomlinson usou o símbolo @ (at), disponível no teclado dessa máquina, entre o nome do usuário e o nome do provedor. E foi assim que Fulano@Provedor X
ficou significando Fulano no provedor X.

Na maioria dos idiomas, o símbolo @ recebeu o nome de alguma coisa parecida com sua forma: em Italiano, chiocciola (caracol); em Sueco, snabel (tromba de elefante); em Holandês, apestaart (rabo de macaco). Em alguns, tem o nome de certo doce de forma circular: shtrudel, em iídisch; strudel, em alemão; pretzel, em vários outros idiomas europeus. No nosso, manteve sua denominação original: arroba.
(Fonte: Desconhecido)

ALCOOL GEL
Guarde a formula simples do álcool gel, caso tenha necessidade:
2 folhas de gelatina incolor e sem sabor (compra-se em qualquer supermercado)
1 copo de água quente para dissolver as 2 folhas de gelatina.
Espere esfriar.
Acrescente 12 copos de álcool de 96° graus.
Está pronto o álcool gel de 72° a 75° graus.
E querendo ainda dá para colocar umas gotas de óleo essencial e ter álcool gel com cheirinho....
(Fonte: Desconhecido)

Oito Erros na Cozinha

Para DONAS e DONOS de casa e respectivas secretárias

1° erro:
Lavar as carnes debaixo da torneira.

Primeiro, você perde nutrientes.
A carne fica esbranquiçada.
Segundo: a contaminação que existe vai aumentar, porque aumenta a quantidade de água e as bactérias vão penetrar mais ainda.
A única carne que se lava é o peixe e só para tirar escamas e a barrigada.

2° erro:
Colocar detergente direto na esponja, o que leva ao exagero.

O detergente nunca deve ser colocado direto na esponja.
Vai ser muito difícil enxaguar todo esse detergente.
O resto de detergente que fica junto com os alimentos pode no futuro dar um problema para a sua saúde.
Para limpar sem exagero, você precisa apenas de oito (8) gotas de detergente em um litro de água.

3° erro:
Usar tábua de carne de madeira.

Na tábua de madeira as bactérias ficam te aplaudindo!
Tábua tem que ser de plástico ou vidro.

4° erro:
Sobre guardar comida quente na geladeira.

Este é um dos um dos mitos mais difundidos entre as donas de casa...
Não há erro em guardar comida quente na geladeira.
O único problema é que vai aumentar um pouquinho o consumo de energia, mas não vai estragar a geladeira de modo algum.
Porém ...

5° erro:
Guardar comida quente na geladeira com o recipiente tampado.

O ar frio vai bater na tampa.
Vai demorar muito para resfriar e as bactérias vão adorar!
Então, coloque tudo destampado.
Depois de duas horas você pode fechar.

6° erro:
Furar a lata de leite condensado e utilizá-la várias vezes.

As pessoas pegam a lata de leite condensado
e fazem dois buraquinhos, um de cada lado.
Sai leite condensado por um lado mas, pelo outro, entra uma porção de bactérias.
Abra a lata inteira e passe o leite condensado para um recipiente que pode ser de plástico ou de vidro.
Sirva sempre com uma colher; depois tampe e guarde na geladeira.

7° erro:
Ignorar as formigas.

Quando se fala em doce, a gente não pode esquecer as formigas.
Você provavelmente não se importaria se encontrasse uma formiguinha em cima do seu bolo, não é?
Doutor Bactéria:
E se fosse uma barata?
Marina Scherb, de 12 anos: Aí eu não como.
Doutor Bactéria: Se a gente pegar uma barata, matar essa barata, deixar no meio da cozinha, no dia seguinte, cadê a barata?
Marina: Sumiu.
Doutor Bactéria: Quem levou?
Marina: As formigas...
Doutor Bactéria: A mesma que estava em cima do bolo?
Marina: É, né?...
Doutor Bactéria: As formigas são consideradas até maiores agentes transmissores de bactérias do que a própria barata.
Doce com formiga só pode ter um destino: a lata de lixo.
Acrescento que vários artigos cientificos que já li dizem que um dos agentes que mais propagam doenças contagiosas nos hospitais é a formiga.

8° erro:
Soprar velinhas do bolo de aniversário.

Este é um péssimo mau hábito.
Testes comprovam que o bolo fica contaminado por bactérias de saliva.
Essas bactérias produzem uma toxina que podem ocasionar aquelas intoxicações com 24 horas de vomito e mal-estar.
Evite, também, deixar o bolo fora da geladeira.

Roberto Figueiredo é Biomédico e personifica o Dr. Bactéria

http://leonildaphotmailcom.blogspot.com/2010/03/8-erros-na-cozinhadr-bacteria.html

Combater velhos hábitos é preciso
Corrigir velhos hábitos pode ser muito mais difícil do que aprender - do começo - a forma correta de fazer as coisas.
Mas quando o assunto é evitar a proliferação de bactérias, todos os cuidados são necessários.
É preciso jogar no lixo muitos dos conhecimentos adquiridos ao longo da vida para vencer as batalhas diárias contra aqueles seres minúsculos e tão prejudiciais à saúde.

Desde criança, aprendemos a colocar ovos na porta da geladeira, até porque os eletrodomésticos vêm de fábrica programados com essa função.
No entanto, é um erro dos mais graves, porque o balanço da porta e a pouca refrigeração favorecem a deterioração do produto
e o ovo vira uma estufa para a criação das terríveis salmonelas, bactérias responsáveis por boa parte das intoxicações alimentares.

O professor Roberto Figueiredo, bioquímico especializado no combate às bactérias,
conhecido nacionalmente como Dr. Bactéria,
proferiu uma palestra e desmistificou a maioria dos maus hábitos das pessoas.
“Você lava carne?
Pois isso é muito errado, porque a água contribui
para facilitar a entrada das bactérias”,
informou à platéia.

Para ilustrar as verdades que estava transmitindo para o público,
Dr. Bactéria mostrou dados preocupantes.
Em todo o mundo, 1,5 milhão de crianças menores de cinco anos adoecem de diarréia por ano, o que gera três milhões de mortes,
das quais 70% são causadas por manipulação errada de alimentos.
“Isso demonstra total ignorância frente às bactérias novas”.

O bioquímico condena hábitos diários das donas-de-casa, como arear panela (não se deve lustrá-la por dentro, para não soltar a substância química), armazenar o frasco de vinagre fora da geladeira, usar lixeirinha de pia,
usar pregadores de roupa para fechar saquinhos de alimentos, guardar pedaços de legumes ou de frutas na porta da geladeira e guardar cola na geladeira - “Não se pode armazenar alimentos com produtos químicos”.
Para se ver livre das bactérias, os cuidados com a pia devem ser redobrados.
A esponja de lavar louças deve ser lavada e desinfetada diariamente e trocada emanalmente.
Dr. Bactéria não falou sobre os possíveis riscos de contaminação do tradicional pano de coar café, tão comum no Nordeste, e do pano de prato.
Mas levando em consideração tudo o que ele disse,mantê-los limpos é a melhor saída.

Professor Roberto apresenta verdadeiros desafios para o senso comum.
Segundo ele, deve-se consumir leite pasteurizado sempre, mas o líquido jamais deve ser fervido em casa.
O produto deve ser aquecido a 80 graus C no máximo (cerca de quatro minutos)
para que as propriedades nutricionais sejam mantidas.
Outra “esquisitice” apresentada é com relação à forma de armazenar os alimentos recém-preparados.

Sabe aquele gesto gentil da mamãe em guardar o pratinho do filho no forno?
Dr. Bactéria diz que isso é oferecer um prato de veneno. “As pessoas passam mal porque comem comida contaminada, não estragada.
O risco é ainda maior porque o alimento não apresenta sinais de contaminação e as pessoas comem mesmo”.

Ele explicou que os alimentos perecíveis devem ser mantidos fora da geladeira por no máximo duas horas.
Se ainda estiverem quentes, devem ser levados destampados para refrigeração para que o ar frio circule.
“Depois, podem ser tampados normalmente”.

O produto quente não compromete o funcionamento do eletrodoméstico, só faz aumentar o consumo de energia.
“Mas eu prefiro pagar mais caro a conta do que pagar com minha saúde”.
Enfim, são muitos cuidados que devemos tomar.
Alguns são quase impraticáveis, outro são mais fáceis.

Mel não pode ser oferecido a crianças!

Ponto para:
- quem conseguir não colocar meio tomate, meia cebola, na porta da geladeira.
- quem não lava frutas e verduras quando chega da feira e sim duas horas depois de refrigeradas.
E mil pontos para quem não oferece mel para crianças com menos de um ano.
Mel?
Dr. Bactéria avisou às mães que todo cuidado é pouco com esse rico alimento.

Segundo ele, 8% da produção de mel é contaminada por uma bactéria chamada clostridium botulino.
Os seres humanos desenvolvem anticorpos de defesa contra os microorganismos, mas somente após um ano de idade.
“Muitas crianças morrem de causas não explicadas
e alguns desses óbitos podem ser atribuídos ao mel”.

Uma das críticas mais severas feitas pelo professor Roberto foi com relação a experimentar e soprar a comida dos bebês
– que muita gente desavisada faz –
e soprar velinhas de bolo de aniversário.
“O aniversariante sopra e depois a mamãe oferece um pratinho de bactérias para os convidados.
Aconselho a adoção daqueles bolos gelados, embrulhados em papel alumínio”.

As festas são ocasiões ideais para a proliferação de bactérias, porque os alimentos ficam expostos por tempo acima do considerado ideal.
O bioquímico cita a maionese como uma das vilãs das intoxicações alimentares,
principalmente as (maioneses) caseiras.
“O perigo é maior para os donos das festas,
que só têm tempo de comer os quitutes no dia seguinte.
E ainda acham que é gostoso”.

Salmonela

Salmonelose é uma infecção causada pela bactéria chamada salmonela, que se desenvolve principalmente em alimentos crus.
O risco de contraí-la em maionese caseira, portanto, é latente.
A maioria das pessoas infectadas por salmonela desenvolve diarréia, febre e cólica abdominal entre 12 e 72 horas depois da infecção.
Salmonelose geralmente dura entre quatro e sete dias, sendo que a maioria das pessoas se recupera sem necessidade de tratamento.

Porém, em algumas pessoas, a diarréia pode ser tão forte que o paciente precisa ser hospitalizado.
A infecção por salmonela pode se espalhar dos intestinos para a corrente sanguínea, e daí para outras partes do corpo, podendo ser fatal caso a pessoa não seja tratada rapidamente com antibióticos.
Idosos, crianças e aqueles com sistema imunológico enfraquecido têm mais probabilidade de desenvolverem casos graves de salmonelose.
(Fonte: Roberto Figueiredo )

Ovo no pára-brisas

À noite, se atirarem um ovo no pára-brisas de seu carro (reconhecível pelo amarelo da gema)

* Mantenha a calma e a VELOCIDADE
* Não use o limpador de pára-brisas!
* NUNCA coloque água no pára-brisas!
* Aumente a velocidade a se perder, que os LADRÕES estão por perto.

Explicação: O ovo e a água ao se unirem, formam uma substância viscosa, tal como o leite, e você vai precisar parar, pois bloqueará a sua visão em cerca de 90%. Fuja dali o mais depressa possível! Este é o ultimo método
que eles inventaram.
(Fonte: Desconhecido)

SIGNOS DO ZODIACO

ARIES - o Diabo de desafio enérgico
Confiante e entusiasta.
Divertido.
Ama um desafio.
EXTREMAMENTE impaciente.
Às vezes egoísta..
Fusível curto (enfurece facilmente).
Vivido, inteligência apaixonada e afiada.
Gosta de sair.
Perde interesse depressa - facilmente entediado.
Egoístico.
Inteligente
Mandão
Corajoso e afirmativo.
Tende a ser físico e atlético.
16 anos de sorte se você repassar.

VIRGEM - O Perfeccionista
Dominante em relações.
Conservador.
Quer ter sempre a última palavra.
Argumentativo.
Preocupado.
Muito inteligente.
Antipatiza com barulho e caos.
Ansioso.
Trabalhador.
Leal.
Bonito.
Fácil de falar.
Difícil de agradar.
Severo.
Prático e muito exigente.
Frequentemente tímido..
Pessimista.
7 anos de sorte se você repassar.

ESCORPIÃO - o Intenso
Muito enérgico.
Inteligente.
Pode ser ciumento e/ou possessivo.
Trabalhador.
Grande beijador.
Pode ficar obsessivo ou reservado.
Guarda rancor.
Atraente.
Determinado.
Amores que dão em relações longas.
Falador.
Romântico.
Pode ser às vezes egocêntrico.
Apaixonado e emocional.
4 anos de sorte se você encaminhar.

LIBRA - o Harmonizador
Agradável a todos os que estão em sua companhia.
Indeciso.
Tem um sex appeal sem igual.
Criativo, enérgico e muito social.
Odeia estar só.
Calmo, generoso.
Muito amoroso e bonito.
Gosta de flertar.
Cede muito facilmente.
Tende a deixar para depois.
Muito crédulo.
9 anos de sorte se você encaminhar.

AQUÁRIO - o Amado
Otimista e honesto.
Doce personalidade.
Muito independente.
Inventivo e inteligente.
Amigável e leal.
Pode parecer não emotivo.
Pode ser um pouco rebelde.
Muito teimoso, mas original e sem igual.
Atraente no lado de dentro e fora.
Personalidade excêntrica.
11 anos de sorte se você encaminhar.

GÊMEOS - o Tagarela
Inteligente e engenhoso.
Parece estar sempre de saída, muito falador.
Vivo, enérgico.
Adaptável mas com necessidade de se expressar.
Argumentativo e franco.
Gosta de mudança.
Versátil.
Ocupado, mas às vezes nervoso e tenso.
Fofoqueiro.
Pode parecer superficial ou incoerente.
Só e sujeito a mudança.
Bonito fisicamente e mentalmente.
5 anos de sorte se você encaminhar.

LEÃO - O chefe
Muito organizado.
Precisa de ordem nas vidas deles/delas - como estar em controle.
Gosta de limites.
Tende a assumir tudo.
Mandão.
Gosta de ajudar os outros.
Social e gosta de sair.
Extrovertido.
Generoso, amável.
Sensível.
Energia criativa.
Confiantes neles próprios.
Bons amantes.
Fazer a coisa certa é importante para Leão.
Atraente.
13 anos de sorte se você encaminhar.

CÂNCER - O Protetor
Emocional.
Pode ser tímido.
Muito amoroso e gentil.
Bonito.
Sócios excelentes para toda a vida.
Protetor.
Inventivo e imaginativo.
Cauteloso.
Tipo de pessoa sensível.
Necessidade de ser amado pelos outros.
Magoa-se facilmente, mas simpático.
16 anos de sorte se você encaminhar.

PEIXES - o Sonhador
Bom coração e pensativo.
Muito criativo e imaginativo.
Pode ficar reservado e vago.
Sensível.
Não gosta de detalhes.
Sonhador e irreal.
Simpático e amoroso.
Desinteressado.
Bom beijador.
Bonito.
8 anos de sorte se você encaminhar.

CAPRICÓRNIO - O Paciente
Pessoa agressiva e sábia.
Prático e rígido.
Ambicioso.
Tende a estar bonito.
Humorístico e engraçado.
Pode ser um pouco tímido e reservado.
Frequentemente pessimistas.
Tendem a agir antes de pensar e podem ser às vezes pouco amigáveis.
Guarda rancor.
Gosta de tudo que é diferente
Gosta de competição...
Obtêm o que eles querem.
20 anos de sorte se você encaminhar.

TOURO - o Resistente
Encanta, mas é agressivo.
Pode parecer enfadonho, mas não é.
Trabalhador duro.
Amável.
Forte, tem resistência.
Seres sólidos e estáveis e seguros dos modos deles/delas.
Não procuram atalhos.
Orgulhosos da beleza deles/delas.
Pacientes e seguros.
Fazem grandes amigos e dão bons conselhos.
Bom coração.
Amam profundamente - apaixonados.
Expressam-se emocionalmente.
Propenso a temperamento - acessos de raiva ferozes.
Determinado.
Cedem aos seus desejos frequentemente.
Muito generoso.
12 anos de sorte se você encaminhar.


SAGITÁRIO - O otimista

Favorece o ego.
Orgulhoso.
Gosta de luxo, e de jogar.
Social, gosta de sair.
Não gosta que lhe imponham responsabilidades.
Frequentemente fantasia.
Impaciente.
Aventureiro
Tem muitos amigos.
Coquete, gosta de flertar.
Conquistador e "galinha" enquanto não se apaixona de verdade.
Não gosta de seguir regras.
Às vezes é hipócrita.
Inconsequente, vive se arrependendo do que fala.
Antipatiza com espaços apertados e roupas apertadas.
Não gosta que duvidem dele.
Bonito por dentro e por fora.
14 anos de sorte se você encaminhar.

(Fonte: Desconhecido)

SE ATUALIZA AI, VÉIO(A)!

Antes era: Agora é:
creme rinse - condicionador
obrigado - valeu
é complicado - é foda
collant - body
rouge - blush
ancião e coroa - véi
bailinho e discoteca - balada
japona jaqueta
nos bastidores - making off
cafona - brega
programa de entrevistas - talk-show
reclame - propaganda
calça cocota - calça cintura baixa
flertar, paquerar - dar mole
oi, olá, como vai? - e aê?
cópia, imitação - genérico
curtir - zoar causar
mamãe, posso ir? - véiaaaa, fui!!!
legal, bacana - manero, irado
mulher de vida fácil - garota de programa
legal o negócio - xapado o bagúio
pasta de dente - creme dental
cansaço - estresse
desculpe - foi mal
oi, tudo bem? - e aê, belê?
ficou chateada - ficou bolada
médico de senhoras - ginéco
superlegal - irado
primário e ginásio - ensino fundamental
preste atenção! - se liga!
por favor - quebra essa
recreio - intervalo
radinho de pilhas - ipod
manequim modelo e atriz
retrato - foto
jardineira - macacão
mentira - kaô
saquei - tô ligado
entendeu? copiou?
gafe - mico
fofoca, ti-ti-ti - babado
ha ha ha uhauhauhauha
fotocópia - Xerox
brilho labial - gloss
bola ao cesto - basquete
folhinha - calendário
empregada - doméstica secretária
faxineira - diarista
vou verificar - vou estar verificando
madureza - supletivo
vidro fumê insulfilm
posso te ligar? - posso te add?
tingir uma roupa - customizar
dar no pé, - ir embora vazar
embrulho - pacote
lycra - stretch
tristeza - deprê
beque - zagueiro
rádio patrulha - viatura
atlético - sarado
peituda - siliconada
professor de ginástica personal
quadro negro - board
babosa - aloe vera
lepra - hanseníase
Ave Maria!!! - Afffff!!
caramba - caraca
namoro - pegação
laquê - spray
de montão pracarai!
derrame - AVC
chapa dos pulmões - raio-x
sua bênção, papai - "qualé", coroa?
você tem certeza? - ah! fala sério!
banha - gordura localizada
alisamento - chapinha
buteco no fim do expediente - happy hour
costureira - estilista
negro - afro-descendente
professora tia, - profe
senhor - tiozinho
bunduda - popozuda!
Amorrrrrrr! - Benhhêêêêê!


(Fonte: Desconhecido)

DICAS DE SAÚDE

1. DIFICULDADE DE PERDER PESO
O QUE ESTÁ FALTANDO: ácidos graxos essenciais e vitamina.
ONDE OBTER: semente de linhaça, cenoura e salmão - além de suplementos específicos.

2. RETENÇÃO DE LÍQUIDOS
O QUE ESTÁ FALTANDO: na verdade um desequilíbrio entre o potássio, fósforo e sódio.
ONDE OBTER: água de coco, azeitona, pêssego, ameixa, figo, amêndoa, nozes, acelga, coentro , semente de linhaça e os suplementos.

3. COMPULSÃO A DOCES
O QUE ESTÁ FALTANDO: cromo.
ONDE OBTER: cereais integrais, nozes, centeio, banana, espinafre, cenoura + suplementos...

4. CÂIMBRA, DOR DE CABEÇA
O QUE ESTÁ FALTANDO: potássio e magnésio
ONDE OBTER: banana, cevada, milho, manga, pêssego, acerola, laranja e água.

5. DESCONFORTO INTESTINAL, GASES, INCHAÇO ABDOMINAL
O QUE ESTÁ FALTANDO: lactobacilos vivos
ONDE OBTER: coalhada, iogurte, missô, Yakult e similares.

6. MEMÓRIA RUIM
O QUE ESTÁ FALTANDO: acetil colina, inositol.
ONDE OBTER: lecitina de soja, gema de ovo + suplementos.

7. HIPOTIREOIDISMO (PROVOCA GANHO DE PESO SEM CAUSA APARENTE)
O QUE ESTÁ FALTANDO: iodo.
ONDE OBTER: algas marinhas, cenoura, óleo, pêra, abacaxi, peixes de água salgada e sal marinho.

8.. CABELOS QUEBRADIÇOS E UNHAS FRACAS
O QUE ESTÁ FALTANDO: colágeno.
ONDE OBTER: peixes, ovos, carnes magras, gelatina + suplementos.

9. FRAQUEZA, INDISPOSIÇÃO, MAL ESTAR
O QUE ESTÁ FALTANDO: vitaminas A, C, e E e ferro.
ONDE OBTER: verduras, frutas, carnes magras e suplementos.

10. COLESTEROL E TRIGLICERÍDEOS ALTOS
O QUE ESTÁ FALTANDO: Ômega 3 e 6.
ONDE OBTER: sardinha, salmão, abacate, azeite
(Fonte: Desconhecido)

Significado do Sabão Omo"Old Mother Owl" (Velha Mãe Coruja). Segundo marketing, mais conhecido como rende mais. (Fonte: Desconhecido)

Receba as novidades do nosso site em seu email, cadastre-se!

Agenda


EVENTOS DE DIMENSÃO NACIONAL
Feira do Empreendedor 2016

20 e 23 de fevereiro
Pavilhão do Anhembi Parque
Sebrae-SP

01 até 04 março
Florianópolis/SC (Brasil)

15 a 18 de maio
Centro de Convenções, Poeta Ronaldo Cunha Lima
João Pessoa - PB

08 a 12 novembro
Expominas - Centro de Feiras
Belo Horizonte/MG

Conversor de Moedas

Avalie-nos

Sugestões

Enquete

Qual o conteúdo do site que você mais gosta?